Castro Alves: ex-alunos do curso ‘Derivados de Banana’ expõem produtos em feira empreendedora de Cruz das Almas

Publicado em: 25/09/2019 - 17:01


Integrantes da primeira turma do curso ‘Derivados de Banana’ participaram, nesta quarta-feira (25), do Acelera Microcrédito, evento promovido pelo banco do Nordeste, fomentador do Programa Agro Amigo. Expondo doces, biscoitos e outros itens que aprenderam a produzir durante o curso idealizado pela Secretaria de Agricultura de Castro Alves, os empreendedores rurais marcaram presença no evento que aconteceu em Cruz das Almas.

A participação na feira deu oportunidade aos ex-alunos para divulgar e dar mais visibilidade ao negócio. Após participarem de oficinas profissionalizantes, que ensinaram desde a produção até a definição de preços, escolha de fornecedores e estratégias de vendas, os integrantes do curso passaram a contar com oportunidade de negócios, adquirindo uma nova fonte de renda.

Moradora da localidade do Morro, em Castro Alves, Luciene Cardoso da Silva, participou do I curso de Capacitação de Derivados de Banana em julho deste ano. Ela expôs os produtos durante o Acelera Microcrédito e recebeu um troféu como micro empreendedora rural. Com alegria ela conta como foi a experiência desta manhã. “Hoje estamos aqui em Cruz das Almas, em outubro vamos para uma feira em Cachoeira e em dezembro para outra feira em Salvador. Estou bastante confiante que através das vendas vou ampliar minha renda familiar”, afirmou.

Marileide, que também vendeu seus produtos, falou da expectativa depois de participar do curso. “Espero que através desse projeto, nós, pequenos agricultores, tenhamos cada vez mais oportunidades de mostrar nossos produtos”. O grupo de Mulheres Empreendedoras do Sítio do Meio, também esteve presente no evento levando para a venda sequilhos, bolachinhas, pastelzinho doce, doce de leite e biscoito de batata. O empreendedorismo está crescendo em Castro Alves e ampliando possibilidades de muitas famílias.

Novos Projetos

Durante o evento, o secretário de Agricultura de Castro Alves, João Mendonça, participou de palestras e acompanhou cerca de 35 agricultores que assinaram contratos a partir do Programa Agro Amigo. “Em breve mais famílias que vivem do campo, que são empreendedoras e trabalhadoras, poderão ampliar suas produções. Contar com esse programa no nosso município, que além de crédito fornece orientação, é muito importante para toda a cidade”, afirmou.

O secretário revelou ainda que o município está avaliando a montagem de uma pequena agroindústria na localidade do Morro, para que os empreendedores rurais tenham um espaço adequado para produzir e comerciar os produtos de forma conjunta. “Nosso objetivo é dar suporte ao homem do campo”.

 

No mês de outubro, os produtores vão participar da FLICA (Feira Literária de Cachoeira), comercializando os produtos, além de marcarem presença também no II Festival de Economia Solidária, em Salvador, entre os dias 14 e 23 de dezembro. O CESOL é um importante parceiro dos empreendedores, dando suporte na criação da identidade do negócio, através da criação de logomarca, rótulos e código de barras, por exemplo.

Ascom | Prefeitura de Castro Alves

TV PREFEITURA

PUBLICIDADE

Leia também:

Ação conjunta promove mutirão de teste de DNA em Castro Alves
Castro Alves realiza I Colóquio Municipal de Educação
Agricultores familiares participam de reunião sobre programa Aração Comunitária
Prefeitura divulga agenda de ações até sábado (29)